20 fevereiro, 2011

A recordar um dos momentos mais especiais...
Se me perguntassem como foi pois não sei bem explicar... Já foi á algum tempo mas lembro bem um dos dias que nunca esquecerei (foi no dia 20 de Fevereiro de 2008, pouco depois das 16h40) Saímos juntos da escola e subimos juntos a rua, a certa altura tu paras-te e viraste-te para mim, cada vez te aproximavas mais de mim. Eu não recuei, propriamente, mas lembro-me que pensei fazê-lo durante um pequeníssimo instante… Acho que nessa altura o meu coração começou a palpitar cada vez mais depressa e comecei a respirar de forma mais acelerada que o normal. Por momentos esqueci onde estava e as centenas de pessoas que nos rodeavam. Não conseguia pensar em nada senão em ti. Tive medo de te desiludir ou de não estar à altura daquilo a que tu poderias, estar habituado mas, não me importei muito. De repente vi-te a inclinar a cabeça na minha direcção não consegui pensar em mais nada, só me lembro de fechar os olhos, estar também a inclinar (um pouco) a cabeça e que os nossos rostos se estavam a aproximar um do outro. Depois, bem, depois não demorou assim tanto tempo e, certamente que não foi aquele beijo que todos vemos nos cinemas, mas sim o nosso primeiro beijo. Foi maravilhoso, e tudo o que consigo recordar daquele momento foi que, quando os nossos lábios se tocaram pela primeira vez, eu acreditei que a recordação iria durar para sempre!
Mas pronto, isso pertence a um passado, que ficará sempre no meu presente.
Escrito no veráo de 2009

2 comentários:

Catarina disse...

Pertence a um passado que está presente no teu presente !
Está mesmo bonito o texto <3

MS disse...

gostei tanto. o mais bonito é que nao queres esquecer.